Frase do dia: "Nunca encontrei uma pessoa tão ignorante que não pudesse ter aprendido algo com sua ignorância." – Galileu Galilei

Posts com tag “pensamentos

Ignorância, a doença dos tempos modernos (complemento)


Apenas um vídeo muito bom para complementar um pouco do que foi dito no post anterior !

Gostou? Entre em nossa comunidade no Orkutsiga-nos no Twitter.

Anúncios

Ignorância, a doença dos tempos modernos


Você acha que vê o mundo de forma certa? O mundo a sua volta é um lugar pacífico e feliz? Sinto muito, mas talvez você esteja sofrendo da mesma doença que grande porcentagem do mundo também sofre. Mas não se preocupe, ela é muito comum nos dias de hoje, para falar a verdade, sempre foi comum desde que o homem se tornou mais inteligente e consciente. Essa doença pode ser controlada (infelizmente não há cura ainda). Estamos falando da ignorância, também conhecida como “falta de pensamento crítico ou conhecimento”, “síndrome do cérebro dormente” ou “imbecilidade” “cegueira daqueles que ainda enxergam”.

Seus sintomas principais são:

Baixa percepção dos acontecimentos recentes; a pessoa afetada passa a acreditar de forma plena que o mundo à sua volta é um lugar lindo e maravilhoso; acontecimentos cotidianos que não estão corretos (pessoas passando fome, guerras, caos, violência, políticos corruptos…) parecem não causar reação alguma no portador da doença; a pessoa parece se importar somente com ela mesma, parecendo não ligar para acontecimentos importantes acontecendo à sua volta; em casos mais graves a ignorância pode causa irritação à pessoas que entram em contato com o paciente; ignorância não é transmissível para aqueles que não são portadores da doença (se fosse o mundo estaria perdido), mas em contato com outras pessoas que sofrem dos mesmos sintomas pode causar agravamento no quadro de saúde mental.

Definição da doença:

A ignorância se refere à falta de conhecimento, sabedoria e instrução sobre determinado tema, ou ainda à crença em elementos amplamente divulgados como falsos. Em situação em contrapartida o ignorante estabelece critérios que desclassifiquem o conselho alheio, em prol da sua falta de conhecimento, busca estabelecer idéias falsas sobre si mesmo e o mundo que o cerca de forma errônea, que desagrade aqueles que o cercam. Ignorância é não saber, e não saber que não se sabe, ou ignorar conhecimento, omitir-se conhecer ou passar a conhecer, é negar a captação e aceitação do conhecimento científico provável e comprovado através de métodos científicos e lógicos. (fonte: Wikipédia)

O que fazer para combater a doença ?

O tratamento da doença é muito simples, basta apenas um pouco de informação e compreensão dos fatos ocorridos no cotidiano, podendo ser adquirido através de jornais, revistas, internet, televisão e principalmente bons livros que não tratem de simples histórias românticas, como Crepúsculo. Adquirir sempre o máximo de conhecimento possível e desenvolver o pensamento crítico, permitirá ao paciente enxergar o  mundo de forma mais realista.

Como saber se estou curado?

O paciente tratado passa pensar de forma crítica demonstrando alteração na forma de vida conformista, e apresenta grande melhora no quadro de pensamentos imbecis ilógicos, mostrando grande habilidade de raciocínio lógico e crítico.

Efeitos colaterais

Apenas um efeito colateral foi apresentado pelos pacientes tratados dessa doença até agora. Os pacientes tendem a se queixar de tudo que ocorre à sua volta, como se fosse uma pequena dor incômoda em seu consciente. Em casos mais graves uma simples irritação e intolerância  à outras pessoas que sofrem de ignorância.

“A ignorância é a anestesia daqueles que não querem ver.” – Vinícius Watanabe

Gostou? Entre em nossa comunidade no Orkutsiga-nos no Twitter.


Prêmio Dardos


Neste domingo, dia 21 de novembro de 2010, o Pra Que Pensar ?!? foi indicado ao Prêmio Dardos pelo blog À Censura, que já de inicio agredecemos muito, tanto pela indicação quanto pelo grande trabalho que andei lendo neste blog. Vocês devem estar se perguntando “mas afinal, o que é o Prêmio Dardos?”.

Depois de um tempo de pesquisas descobri que o selo do prêmio Dardo foi criado por um escritor espanhol chamado Alberto Zambade, que tinha como apelido “dardo”, que em 2008 publicou em seu blog, Leyendas de “El Pequeño Dardo”, um post intitulado “I Entrega de Premios Dardo 2008 “Best Blog Darts thinker’”.

“Com o Prêmio Dardos se reconhecem os valores que cada blogueiro emprega ao transmitir valores culturais, éticos, literários, pessoais, etc. que, em suma, demonstram sua criatividade através do pensamento vivo que está e permanece intacto entre suas letras, entre suas palavras”.

Para que o prêmio seja reconhecido devemos seguir algumas regras:

  1. Colocar a imagem do selo no blog;
  2. Linkar o blog que nos indicou;
  3. Indicar outros blogs ao prêmio;
  4. Comentar no blog dos indicados sobre essa postagem.

Aqui no Pra Que Pensar ?!? os indicados ao Prêmio Dardos são:

http://deunsitiollamadovaleije.blogspot.com/

http://brisasdebru.blogspot.com/

http://poucodetudoetudodenada.blogspot.com/

http://fjsantos.wordpress.com/

http://babiarruda.wordpress.com/

http://sussurrosmeus.wordpress.com/

http://www.maspoxavida.com/

http://intelectuais.blogspot.com/

http://mundoinvertido.webs.com/

http://www.contraditorium.com/

http://acensura.blogspot.com/

Obrigado a todos !!


A razão por trás da racionalidade


Ser racional não é apenas pensar e observar as neuroses do mundo moderno, é criticar e procurar soluções e possibilidades para a cura do mundo.

Grande parte das pessoas vive pensando que a racionalidade é uma doença no mundo moderno, mas dizem isso porque não conseguem, ou melhor dizendo, não querem ter um simples pensamento racional em suas mentes inertes, onde apenas absorvem as informações sem nenhum tipo de questionamento, logo acreditam que o que lhes foi dito é certo.

Vivemos num mundo onde a competição está embutida no nosso dia a dia, temos que competir no trabalho para mantermos nosso emprego ou para melhorarmos de vida, e até mesmo competimos na educação para conseguirmos uma vaga na universidade, e o que diferencia um competidor de outro é a lógica do pensamento racional.

Portanto a racionalidade não é nenhum tipo de salvação, e sim a doença daqueles que vêem o mundo doente.

E  você?  O que pensa sobre a racionalidade dos dias de hoje?

” A racionalidade não traz conhecimento algum sem a loucura.” – Willi Perri

Gostou? Entre em nossa comunidade no Orkut e siga-nos no Twitter.


Dinheiro compra felicidade?


Sinto informar, mas dinheiro não compra felicidade, mas ajuda a obtê-la. É por esse motivo que tanta gente vive angustiada juntando dinheiro para quando chegar o dia em que não precisarão mais se preocupar com a falta dele.

Todos precisamos de bem – estar e conforto de vez em quando, caso contrário enlouqueceríamos se tivesse que trabalhar por muito tempo sem podermos ter nossos momentos de lazer e reflexão. Dinheiro é um elemento que quando não garantido nos colocam em situações de estresse. Quando temos isso garantido podemos nos ver mais livres, podemos gastar e fazer aquilo que desejamos, dessa forma nos proporcionando um certo bem estar ou felicidade.

Mas por outro lado ter dinheiro não nos garante que tenhamos amizades verdadeiras e o amor, que são essenciais para o ser humano se sentir completo.

Um dos sinais de que dinheiro não tem tanto a ver com felicidade é o índice de suicídios por países. O suicídio está mais ligado aos sentimentos depressivos de solidão das pessoas. Entre os países com alto índice de suicídio estão os Estados Unidos e a França, com cerca de 460 a 500 pessoas para cada 100 mil habitantes, enquanto no Brasil e no México (relativamente mais pobres) este número fica entre 80 a 160.

“Se você ganhar muito dinheiro, coloque-o a serviço de ajudar os outros, enquanto você for vivo. Esta é a maior satisfação de riqueza.” – Dalai Lama


Fonte: Mundo Estranho

Gostou? Entre em nossa comunidade no Orkut e siga-nos no Twitter.


Estreiando o blog~


Olá pessoal, começarei estreiando meu blog com um assunto que me incomoda muito… E tenho certeza que também incomoda a muita gente.

A alienação nos dias de hoje está cada vez pior, as pessoas simplesmente não conseguem mais ser elas mesmas, pois a todo momento tentamos agradar a alguém, ou temos medo de que nossos pensamentos sejam muito ridículos aos olhos de outras pessoas.

Caro leitor, se você é uma dessas pessoas, peço-lhe que abra seus olhos. Caso contrário pare de ler já e saia do meu blog imediatamente!

Conversando com muitas pessoas parei para analisar algumas coisas, e percebi que em muitos momentos não fazemos tudo aquilo que gostariamos de fazer, como por exemplo, muitas pessoas não gostam de futebol, e por causa da influência de outras pessoas como amigos e familiares, se sentem na obrigação de gostarem de futebol, ou também vemos todos os dias pessoas com a necessidade de “aparecer”, e que a todo momento fazem de tudo para serem reconhecidas de alguma forma mesmo que seja por um curto período de tempo. As pessoas dos dias de hoje não possuem mais identidade, e passam a viver dentro de uma caixa, ou algo que as impeça de ver o mundo como ele realmente é, e até mesmo de pensarem.

Em muitos momentos me pergunto: “Que mundo é esse em que nós vivemos onde todos dizem ser livres, mas ao mesmo tempo não têm liberdade alguma?”. Somos influenciados a todo momento pelas pessoas a nossa volta, pela mídia, entre outros, não pensamos mais, vivemos apenas a projeção de alguém que não somos nós, algo que mascára nosso “verdadeiro eu”, e por mais que tentemos quebrar essa máscara, não conseguimos ou simplesmente não podemos, pois quando fazemos isso as pessoas nos julgam de modo totalmente irracional. Nossa maneira de pensar não é mais nossa, é tudo pertencete a uma massa  denominada ‘sociedade’ que se diz livre, mas a todo tempo esta mudando de forma e de pensamento, graças a outras pessoas que também vivem nessa sociedade.

Ligamos a Tv todos os dias e assistimos a coisas que nos hipnotizam e que não tem nenhuma serventia na nossa vida cotidiana. Claro que em alguns momentos devemos ter nosso tempo de descanso, mas acredito que não deveríamos gastar nosso tempo assistindo à coisas que manipulam nossa maneira de pensar, ou que fazem com que não pensemos, como por exemplo, programas como “Big Brother” que parece que o país todo acompanha, e fica fascinado por algo fútil.

Tudo que vemos hoje, toda essa miséria, fome, problemas em geral que vemos no nosso cotidiano (ou muitas vezes não vemos ou tentamos não ver), acredito que seja fruto da ignorância do ser humano, e essa ignorância é o que um dia vai nos levar à nossa extinção. Tudo perdeu o verdadeiro sentido como por exemplo, esportes que hoje são motivos para as pessoas se matarem, as pessoas sentem orgulho de torcerem por um time para dizerem que fazem parte de uma massa, ou que estão socialmente incluidos, quando na verdade esportes que tinham o sentido de unir as pessoas, espírito de equipe, hoje não passa de mais um motivo para elas se consumirem.

O ser humano de hoje não sabe mais o que faz, pois está sendo controlado por uma massa. Perceba em alguns momentos em que muitos de nós brigamos com pessoas queridas por motivos bestas, que quando paramos para pensar vemos que perdemos uma amizade ou algo do tipo, por uma coisa tão idiota. Somos egocêntricos e egoístas, nos tornamos pessoas cada vez mais manipuladoras, e com pensamentos cada vez mais cruéis, temos medo de sair de casa para ir até a padaria da esquina comprar pão, vivemos aprisionados em nossas casas quando as pessoas que realmente deveriam estar presas estão mais livres do que nós, mas não somos naturalmente assim, fomos dexados assim pela sociedade doente em que vivemos.

“Quanto mais nos elevamos, menores parecemos aos olhos daqueles que não sabem voar.

Friedrich Nietzsche
Deixo-lhes aqui um video para vocês refletirem:

Ver tradução da música.

Por favor, comentem.

Gostou? Entre em nossa comunidade no Orkut e siga-nos no Twitter.